Acessibilidade: -A +A normal

 
Prefeitura Municipal de Contagem
   

Sede da prefeitura conta com posto para cadastramento biométrico

Quem não fizer a biometria, até o dia 9 de fevereiro de 2018, terá o título cancelado

Elias Ramos

Dezenas de pessoas aproveitaram o primeiro dia do novo posto para fazer o cadastramento

O eleitor de Contagem tem à disposição mais um posto para fazer o Cadastramento Biométrico. Montado na sede da prefeitura, o posto do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) começou a funcionar na quarta-feira (6). O serviço funcionará no espaço de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. A cidade conta também com outros locais para atender a demanda (clique aqui).  

O posto da prefeitura, no saguão principal, é o maior instalado para a biometria, contando com 23 guichês e 54 atendentes. O TER fará o serviço até o dia 9 de fevereiro de 2018. Quem não fizer o cadastramento digital terá o título cancelado e não poderá votar nas eleições do próximo ano. Além disso, estará impossibilitado de prestar concurso público, ingressar em universidade pública, de tirar passaporte ou viajar para o exterior, dentre outras implicações.

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção Contagem, Sanders Alves Augusto, foi um dos eleitores que aproveitou a instalação do novo posto para fazer o cadastramento. “A utilização deste espaço aqui é oportuna, já que a prefeitura é a casa do povo. A biometria é uma forma moderna de identificação do eleitor, que vai gerar maior segurança ao eleitorado e garantir que não ocorra fraudes no sistema eleitoral”, comentou Sanders. 

A Coordenadora Pedagógica da Escola Municipal Ivan Diniz Macedo, Rayanne Esteves Anselmo, estava na prefeitura e aproveitou para fazer o cadastramento. “Trata-se de algo seguro para nós eleitores e para o resultado das urnas. Significa modernidade, rapidez, ao passo que o processo eleitoral em países como os Estado Unidos leva até dez dias para ser concluído e apresentar os resultados”, comparou.

Segundo a supervisora do TRE, Vera Lúcia Maia, o cadastramento leva cerca de 15 minutos para ser feito. A atenção é redobrada pelo atendente, com rigor ao nome certo do eleitor e dos seus pais, já que no Brasil ocorre muito os casos de homônimos. 

Para exemplificar essa questão, a servidora da Secretaria de Comunicação e Transparência, Marleyde Alves dos Santos, que estava fazendo o cadastro, descobriu ser homônimo de uma cidadã do Piauí, inclusive com o nome da mãe também sendo homônimo. “Um caso assim, só a biometria garante a fidelidade completa porque vai identificar apenas uma pessoa com aquela digital”, disse Marleyde.

before

O cadastramento biométrico é obrigatório

   Documentos

Para fazer a biometria é necessário apresentar documento de identificação oficial com foto, título de eleitor (se tiver), CPF (se tiver) e comprovante de endereço. Será feita uma foto (em preto e branco) que fica no sistema do TER e a coleta das impressões digitais de todos os dedos das mãos do eleitor. Os maiores de 70 anos não têm a obrigatoriedade do voto, mas são obrigados a fazer o cadastro. São oferecidos nos postos do TRE os serviços de cadastramento biométrico, retirada do título, transferência de zona, regularização da inscrição, emissão de segunda via e alteração de dados do título.

O objetivo é garantir a autenticidade do voto, já que no dia da eleição, a identidade do eleitor será confirmada por meio do reconhecimento da impressão digital pelo leitor biométrico da urna eletrônica, comparando-a com a impressão retirada pela Justiça Eleitoral.

Atendimento 

A Central de Atendimento do TRE/Contagem fica na Avenida João César de Oliveira, 1434, no Eldorado, onde pode ser feita a biometria com ou sem agendamento pelo telefone 148. Com o apoio da Prefeitura de Contagem, que cedeu locais e estagiários. 

O eleitor de Belo Horizonte que deseja fazer a biometria e estiver passando por Contagem pode fazê-la num único local que é no Ônibus TRE/Aqui, dentro do Big Shopping. O eleitor de Contagem também pode fazer a biometria em Belo Horizonte, no Posto de Atendimento do TRE, na avenida Prudente de Morais, 320, Cidade Jardim, onde só é feito o cadastramento por meio de agendamento pelo telefone 148.

De acordo com o técnico judiciário da Zona Eleitoral 90, Paulo Henrique Patrício, com a inauguração do novo posto na prefeitura, com espaço amplo e maior número de guichês, a expectativa é de mais pessoas procurem fazer o cadastramento biométrico. “Conforme dados atualizados recentemente, do universo de 467.802 eleitores de Contagem, 232.945 fizeram o cadastramento, o que significa 49,80% do total do eleitorado”, explicou. 

   

REPÓRTER: Noeme Ramos    FOTO CRÉDITO: Elias Ramos    

PUBLICAÇÃO: 07/12/2017 15:37:03

Atendimento TRE Biometria